sábado, 23 de maio de 2009

Maisa fora do ar!

A justiça determinou que a menina Maisa, do SBT, está proibida de fazer o programa "Pergunte para Maisa", que é exibido aos domingos pela rede de televisão. A menina participa do programa juntamente com o seu patrão Silvio Santos, e hoje é uma das mais conhecidas celebridades mirim do Brasil.

De acordo com a justiça de São Paulo, a menina vinha sofrendo alguns abusos no programa em que participava, a promotora do caso, disse que as situações onde eram expostas a menina feria o Estatuto da Criança e do Adolescente.

A pequena de 7 anos, tem se tornado uma estrela mirim do Brasil, conhecida por todos pela sua "ingenuidade" no programa de tv, que se torna humoristico e assim é adorada por muitos.

Vamos parar para pensar um segundo. As situações que Maisa passa com o público se compara as mesmas que muitas crianças passam com os pais, e adultos, as perguntas feitas à ela, não é nada diferente das perguntas feitas a uma criança, quando está em volta de toda a sua família, e todos dão risadas de suas respostas, de suas brincadeiras ou de sua ingenuidade.
O fato da meninas estar exposta em rede nacional, não muda nada, ou melhor, mostra apenas o talento mirim da menina, que com certeza será uma estrela jovem no futuro próximo.

Ah! Agora algo que me intriga, porque essas entidades de direito do adoscelente, da criança, da defesa infantil, entre outros, não se preocupam com os menores (praticamente) abandonados que estão nos semáforos de trânsito pedindo esmolas, ou então, com as pequenas crianças, muito mais novas que a menina Maisa, que trabalham como escravas no nordeste deste País, e de vez enquando são encontrados por alguma reportagem, ou aqueles que não tem onde dormir, onde morar. Esses também passam por algumas ridicularizações, digamos assim, mas com certeza estes são humilhados, excluídos, e não passam num programa de tv. Eles também trabalham, mas muitos nem sabem que eles existem.

Mas eu entendo, afinal, coitadinha da Maisa, ela tem pais, estuda em boa escola, trabalha na televisão, tem o futuro garantido, tem uma boa educação, é uma estrela mirim. Tadinha, eles tem razão, realmente deve ser muito ruim ter tudo isso.

E pra que se preocupar com as "crianças anônimas", oras?! Eles não choram uma vez em um programa de tv, eles choram todos os dias.


3 comentários:

RenanAlves disse...

Será que ela vai ser "demitida" do Top Five do CQC tambem !?? haha

P A R A L E LO disse...

QUE COISA BOA ESSE DESABAFO, É ISSO AI, ALIÁS TEM DE SER FRISADO QUE AS CRIANÇAS NÃO PODEM TRABALHAR, CRIANÇAS POBRES QUE AJUDAM OS PAIS NOS SEMÁFOROS, A MAÍSA NÃO TRABALHA SE DIVERTE, BEM SE FORMOS DELONGAR, COM CERTEZA TERÍAMOS MUITOS PANOS PARA MANGA, POR ENQUANTO ASSISTIMOS DE CAMAROTE, A DEFESA DA POBRE CRIANÇA, BIBELÔ DO DO SENIOR ABRAVANEL

Laudenir Ramos disse...

Maísa faz um papel um tanto quanto mal educada diante das respostas dada ao apresentador Sílvio Santos, porém reconheço que isso torna o quadro divertido. Deveriam pegar mais leve, garanto que faria o mesmo sucesso.

Quanto ao seu comentário em relação as crianças de rua e trabalhadoras rurais, concordo plenamente que há um descaso e inversão de prioridades, é mais uma vez o egoísmo prevalecendo sobre a caridade. Ajudar uma criança carente e anônima passará despercebido, no entanto, intervir no trabalho de uma "estrelinha" é uma grande oportunidade de ganhar fama também.